Inovação: o que é o como podemos integrá-la à Educação?

30 de outubro de 2017

Neste capítulo, convidamos você a conhecer o que é inovação. Para que serve e por que ela é importante para nós, para nossa sociedade e para nosso país? Será que inovação combina com temas relacionados à educação? Essas são algumas das questões que esperamos conseguir responder até o final deste capítulo. Também veremos como é possível integrar inovação com educação ao conhecer o estudo de caso do Mostra Inova do Senai e Sesi. O Mostra Inova foi um dos projetos premiados na 5ª edição do Prêmio Ozires Silva de Empreendedorismo Sustentável e mostrou como uma metodologia com foco na aprendizagem colaborativa, integrando a teoria e a prática na resolução de problemas com inovação, traz resultados expressivos à aprendizagem.

Então, vamos conhecer como foi desenvolvida essa integração de inovação e conhecimentos? Esse projeto foi criado considerando a complexidade dos desafios, a necessidade de integração dos conhecimentos teóricos e práticos, a exigência de uma aprendizagem mais conectada ao currículo e a demanda por profissionais mais bem preparados para atender às necessidades do mercado, integrando o que aprenderam em campos de conhecimento distintos ao abranger a formação de perfil empreendedor e inovador. Assim, o desenvolvimento de atividades empreendedoras e inovadoras aplicadas à educação profissional e tecnológica foram fortalecidos por meio da prática. O primeiro passo para que isso ocorresse foi a capacitação dos alunos e docentes em temas como empreendedorismo, inovação, criatividade e ferramentas para apoiá-los na venda e articulação com investidores anjo e se apresentarem para um fórum de investimentos. Ao final do processo, avaliadores reuniram-se e fizeram uma seleção dos melhores projetos, com critérios pré-estabelecidos, que direcionaram aos prêmios.

Conceitos de Inovação

Você já ouviu falar de inovação? Ou melhor, sabia que existem muitas definições para inovação? Se considerarmos os conceitos dos diversos autores e aqueles presentes em dicionários, certamente somaríamos algumas dezenas de definições para a palavra inovação! Vamos então conhecer algumas delas? Ah, ainda é importante citar que, para deixar a leitura mais leve, os autores de cada um dos conceitos apresentados a seguir foram incluídos apenas nas referências bibliográficas, ao final desse capítulo.

Tudo indica que a origem da palavra inovar vem do latim innovare (modificar, mudar ou renovar) ou innovatus (renovado ou modificado). Muitos autores concordam que inovação significa criar, introduzir, incorporar ou implantar com sucesso algo novo ou significativamente melhorado, alguma novidade em produto, processo, método ou prática. As consequências disso são modificações ou melhorias que geram ou agregam valor e promovem o desenvolvimento humano, a qualidade de vida e a sustentabilidade. É legal saber que as inovações podem ocorrer em nível pessoal, profissional ou organizacional, nos mais diversos locais, sob as mais variadas condições e propósitos. Imagine que quem inventou os canudinhos de plástico, usados para saborearmos refrescos, sem dúvida alguma foi inovador!

Clique para continuar a leitura do artigo “Inovação: o que é o como podemos integrá-la à Educação?”

< Voltar